Trump tem reclamado do presidente do Fed por sua condução da política monetária

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem criticado o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) por conter o impulso econômico e o mercado acionário. Apenas na última semana, Trump criticou Fed e seu presidente, Jerome Powell, em três reuniões com senadores, partidários e membros de sua equipe, argumentando que, se não tivessem ocorrido as altas recentes nos juros, a produção econômica e as ações estariam melhores e o déficit orçamentário teria aumentado menos.

Trump ainda criticou o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, por ter recomendado Powell para o posto. O presidente comentou ter dito ao próprio Powell que estava "preso a ele", em telefonema. Segundo o principal assessor econômico do presidente, Lawrence Kudlow, Trump desejava que o Fed cortasse a taxa de juros em meio ponto porcentual.

Macaque in the trees
Donald Trump (Foto: MANDEL NGAN / AFP)

Powell e outros dirigentes do Fed, por sua vez, têm afirmado que o banco central não se curva a pressões políticas. Em entrevista no mês passado, Powell comentou que não acredita que o presidente tenha autoridade para retirá-lo do posto e que ele não renunciaria ao posto se a Casa Branca pedisse isso. Fonte: Dow Jones Newswires.