Número de mortos em explosão de duto de gasolina no México sobe para 130

O número de mortos pela explosão de um duto de gasolina enquanto era saqueado por moradores no estado de Hidalgo, no centro do México, aumentou para 130, enquanto 15 pessoas permanecem hospitalizadas, informaram nesta quinta-feira autoridades mexicanas.

Destas 130 mortes, 68 ocorreram no momento da explosão, ocorrida na tarde de 18 de janeiro, quando habitantes da comunidade de Tlahuelilpan recolhiam gasolina de um duto perfurado por traficantes de combustível.

Algumas dessas 15 pessoas que continuam hospitalizadas são reportadas como em estado grave, já que apresentam queimaduras em mais de 80% do corpo.

A explosão foi o incidente mais mortífero ligado ao roubo de combustível, delito que se intensificou no México nos últimos anos e que deixa perdas anuais de cerca de três bilhões de dólares para a estatal Petróleos Mexicanos (Pemex).

 

sem/gm/db

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais