Jornal do Brasil

Economia

Parlamento francês aprova em definitivo projeto de orçamento para 2019

Jornal do Brasil

O Parlamento francês aprovou em definitivo nesta quinta-feira, após a última votação na Assembleia Nacional, o projeto de orçamento para 2019, que inclui cortes de impostos e dos gastos públicos, após um percurso tumultuado pela crise dos "coletes amarelos".

Antes de examinar nesta quinta-feira à tarde as medidas de urgência propostas para enfrentar a crise, 182 deputados votaram a favor do orçamento - o segundo da presidência de Emmanuel Macron - , 52 contra e três optaram pela abstenção.

Os parlamentares do partido governista A República Em Marcha (LREM) e de seus aliados centristas do MoDem votaram a favor.

Os grupos de oposição, de direita e esquerda, votaram em sua maioria contra.

O déficit público será de 3,2% do PIB, mas fica abaixo do limite europeu de 3% quando se retira o "ajuste específico" do CICE, a transformação de um crédito fiscal para melhorar a competitividade das empresas, em redução perene de cotações sociais, afirmou o ministro das Finanças, Bruno Le Maire.

chl/reb/cs/cb/me/zm/fp