Jornal do Brasil

Economia

Odebrecht pagará multa de US$ 181 milhões ao Peru por suborno a autoridades

Com o acordo, a empresa brasileira está autorizada a continuar operando no país

Jornal do Brasil

Autoridades do Peru disseram que a empreiteira brasileira Odebrecht concordou em pagar uma multa de US$ 181 milhões e fornecer documentos sobre subornos feitos a funcionários do governo peruano, em acordo de colaboração premiada com o Ministério Público (MP) do país. O promotor peruano Rafael Vela afirmou, em entrevista publicada neste domingo em meios de comunicação locais, que o acordo entre a construtora e o Ministério Público "garantirá todo material probatório produzido pela empresa".

O acordo foi fechado no sábado (8) e exige que a Odebrecht continue colaborando, concedendo depoimentos e entregando documentos conforme solicitado pelo MP. Em compensação, a empresa brasileira poderá continuar operando no Peru.

Macaque in the trees
Odebrecht (Foto: Divulgação)

A Odebrecht admitiu ter pago US$ 800 milhões para autoridades locais em troca de contratos lucrativos de obras públicas. O escândalo contaminou as carreiras de quase todos os ex-presidentes peruanos. Em março deste ano, o então presidente Pedro Pablo Kuczynski renunciou ao cargo, após parlamentares da oposição revelarem vínculos entre a empreiteira e suas empresas de consultoria. Fonte: Associated Press.