Jornal do Brasil

Economia

Dólar se ajusta em alta no pós-feriado

Jornal do Brasil

O dólar opera com viés de alta frente o real na manhã desta quarta-feira (21), se ajustando aos ganhos da moeda americana na terça-feira (20) no exterior em meio à aversão ao risco e ao tombo de mais de 6% do petróleo. A correção de alta frente o real, no entanto, é limitada pelo viés de baixa do dólar nesta quarta em relação a divisas emergentes e ligadas a commodities. No segmento de renda fixa, os juros futuros oscilam em torno dos ajustes da última segunda-feira (19).

Lá fora, os preços do petróleo sobem nesta quarta, favorecidos por dados positivos da pesquisa do American Petroleum Institute (API), após terem registrado perdas de 6,4% a 6,6% na sessão anterior em meio a um movimento de fuga de ativos mais arriscados.

No começo da noite de terça-feira, o API estimou que o volume de petróleo bruto estocado nos EUA sofreu queda de 1,5 milhão de barris na última semana, contrariando projeções dos analistas de alta de 4,1 milhões de barris. Nesta quarta, o Departamento de Energia (DoE) americano divulga números oficiais sobre estoques de gasolina e destilados (13h30).

Às 9h16, o dólar à vista subia 0,52%, a R$ 3,7781. O dólar futuro de dezembro estava em alta de 0,53%, neste mesmo horário, cotado a R$ 3,7790.

Vale lembrar que esta quinta-feira, dia 22, será feriado pelo Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos e os mercados ficarão fechados em Nova York. Por isso, a liquidez deve se concentrar nesta quarta uma vez que, na sexta-feira, 23, os mercados norte-americanos deverão operar, mas com horário reduzido.