Tribunal de arbitragem anula condenação bilionária da Chevron no Equador

Um tribunal de arbitragem de Haia anulou uma sentença da justiça do Equador de 9,5 bilhões de dólares contra a petrolífera americana Chevron por danos ambientais na Amazônia, informou nesta sexta-feira a Procuradoria equatoriana.

"A Corte determinou que o Equador é responsável pela negativa da justiça e ordenou que anulasse a sentença" contra a empresa, indicou o órgão em um comunicado.

 

sp/vel/cd/mr