Estrela básica

-->LANÇAMENTO-->Mer cedes -Benz traz versões do modelo C bem equipadas e com pr eços tentador es-->Antonio Puga-->“ Até bem pouco tempo atrás, sa bíamos o númer o do CPF dos nossos consumidor es”. A fr ase é de um e xecuti v o da Mer cedes- Benz ao comentar o sur gimento de um no v o compr ador dos mo - delos da mar ca alemã. Mas, an - tes que o comentário seja en - tendido como pr econceito , o r e - pr esentante da montador a r a - pidamente e xplica. – C om o aquecimento da eco- nomia br asileir a, passamos a r e- ce ber um númer o maior de com- pr ador es que estão inter essados em ter um v eículo acima dos R$ 100 mil. P ar a isso , fiz emos uma r eestrutur ação na r ede – diz. E f oi visando justamente esse no v o cliente que a mar ca está tr a- z endo v er sões mais acessív eis dos modelos C, o C180 CG IeoC 2 0 0 CGI. Os dois sedãs, ao contrário do que se possa pensar , vêm bem equipados. O pacote inclui desde ABS, ESP , seis airbags, limitador de v elocidade, contr ole de cru- z eir o , ar -condicionado dual-z one, rádio CD Pla y er com Bluetooth, v olante m ultifuncional, r etr o v i- sor es eletr ocrômicos, vidr os, tr a- v as e espelhos elétricos, câmbio automático de cinco mar c has, te- to solar , sem contar o aca bamento interno , típico de um Mer cedes. Equipados com a no v a linha de motor -->Blue Efficiency -->os sedãs têm como difer encial, ser em menos poluentes por conta da otimiza- ção da queima de de ar na câmar a de combustão , r esultando em uma economia de combustív el de até 15% e menos 22% na emissão de CO2. Ou seja, os dois seguem o mesmo padrão dos carr os comer- cializados na Eur opa.-->Longo caminho-->O teste com os os r epr esentante da Classe C f oi de cer ca de 500 quilômetr os, entr e as cidades de Ribeirão Pr eto , em São P aulo , e P oços de Caldas, Minas Ger ais. P ar a a primeir a etapa, optamos pelo C180. Não há dificuldade pa- r a se encontr ar a posição ideal-->Potência de sobra mas falta sensor de estacionamento-->A segunda etapa da a v aliação f oi no C200. Com o mesmo nív el de aca bamento e equipamento da v e r são de entr ada (se dá par a c h a- mar assim o C180), o ponto f orte do carr o é seu motor de 184 cv de potência a 5.250 gir os. É aí que apar ece a difer ença, principal- mente nas arr ancadas e r etorma- das, mais rápidas e inter essantes se compar ado ao outr o modelo . Um f ato que c hamou a atenção f oi a in v asão do motor na ca bine. Não c hega a ser incomoda, acontece mais quando se e xige do pr opulsor . Outr o ponto que não tem m uita e xplicação é a f alta de sensor de estacionamento , tanto no C200, quanto no C180. O acessório só está disponív el par a o C300, e a f alta de opção de f aróis de xenon. Afinal, em um carr o pr emium, é item que não pode f altar .-->Raios XMotor -->C180- 156 cv . C200- 184 cv -->Gostamos -->Nível de acabamento, equipamentos de série, confor to e dirigibilidade -->Não gostamos -->Falta sensor de estacionamento e faróis de xenon -->Pr eços -->C180- R$ 114.900. C200 (A vantgar de)- R$ 149.900-->Divulgação-->FORÇA -->– Motor menos poluente, volante multifuncional, seta no pisca e fácil acesso aos contr oles são alguns dos intens do sedã pr emiu m, agora acessível ao novo consumidor-->dentr o do carr o , mesmo par a o iniciante na mar ca. Seguindo pe- la Rodo via Anhanguer a, o sedã mostr a que os 156 ca v alos são su- ficientes par a dar p r a z er ao mo- torista. Internamente, o r onco do motor não incomoda. A posição de dirigir é ótima, assim como o espaço . M as o m e- lhor mesmo é poder pisar no ace- ler ador e atingir a v elocidade que se quer sem sentir . Nos tr ec hos de cur v as acentua- das, o Classe C mostr a e xcelente esta bilidade e, com a ajuda do ESP , não há err os, pois o sistema corrige os escorr egões do moto- rista mais ousado .