Relíquias de São Tomás Becket são encontradas na Itália

Antiguidades são datadas entre 1400 e 1500 d.C

Duas relíquias do santo Tomás Becket (1117 - 1170) foram descobertas durante a reforma da igreja de Santa Maria Assunta, em Taranto. Trata-se de uma caixa de cinco centímetros selada de zinco e um fragmento ósseo do religioso.

De acordo com os arqueólogos, os objetos são datados entre o final de 1400 e o início de 1500. Entre as relíquias também foi encontrado um pergaminho datado de 1884, colocado pelo bispo Bacile dentro de uma pedra santa do altar.

Nos últimos dias, após a descoberta, as antiguidades foram guardadas no novo altar durante a consagração. "Juntamente com o bispo monsenhor Claudio Maniago, por cerca de um ano, procuramos santuários na Itália que pudessem conter as relíquias do são Tomás", explicou o pároco da igreja, dom Sario Chiarelli.

"Fomos em uma igreja em Verona que leva seu nome, mas nada. Então, a surpresa: duas relíquias estavam bem em Mottola, escondidas no meio de tantas pedras sagradas. Estávamos procurando o que já tínhamos", acrescentou.

A descoberta ocorre durante os preparativos para a comemoração em homenagem ao padroeiro, agendada para 29 de dezembro.