Titãs anuncia saída de Paulo Miklos e apresenta nova formação

Confira o comunicado oficial sobre o futuro da banda, divulgado nesta segunda-feira

Os Titãs anunciaram na manhã desta segunda-feira (11), por meio de publicação nas redes sociais, o desligamento de Paulo Miklos do grupo, "por decisão pessoal, para se dedicar a projetos individuais". A banda, contudo, segue em frente, com a entrada do guitarrista Beto Lee, filho de Rita Lee e do guitarrista Roberto de Carvalho. Beto se junta a Branco Mello, Sergio Britto, Tony Bellotto e ao baterista Mário Fabre.

Paulo Miklos foi uma figura importante na trajetória do som da banda ao longo dos anos. Recentemente, fez sua estreia no teatro interpretando Chet na peça "Chet Baker - Apenas um Sopro", que ficou em cartaz no CCBB de São Paulo no início deste ano, com aprovação da crítica. Também acumula atuação em filmes -- "O Invasor", "É Proibido Fumar".

Grande referência do rock brasileiro, o Titãs debutou nos anos 1980 com oito integrantes, entre eles Arnaldo Antunes, Nando Reis, Charles Gavin e Marcelo Fromer.

Leia o comunicado da banda, na íntegra:

Os Titãs informam que Paulo Miklos se desliga da banda, por decisão pessoal, para se dedicar a projetos individuais.

Branco Mello, Sergio Britto e Tony Bellotto prosseguem como Titãs, com o apoio da gravadora Som Livre e de seu imenso público, honrando compromissos assumidos e outros que venham a surgir, fazendo shows com as canções que imortalizaram o grupo e criando novas músicas e projetos.

O guitarrista Beto Lee se junta ao baterista Mário Fabre na dupla de músicos especialíssimos que acompanharão os Titãs de agora em diante, nessa nova geração.

Os Titãs, ao longo de 34 anos de uma carreira exitosa, experimentaram várias formações sempre preservando a essência e o vigor de suas canções. Como um organismo coletivo que suplanta as individualidades que o compõem, os Titãs seguem determinados, impulsionados por inquietação e ambição artística, e orgulho das glórias conquistadas.