Escultura de Hitler é leiloada por US$ 17 milhões em NY

Obra foi feita pelo arista italiano Maurizio Cattelan

Uma controversa escultura do ex-líder nazista alemão Adolf Hitler foi comprada por US$ 17 milhões em um leilão da casa Christie's, em Nova York. A obra é do artista italiano Maurizio Cattelan, de 55 anos. Vendida por US$ 17.189.000, a escultura bateu o recorde da última peça leiloada de Cattelan, por US$ 7,9 milhões. 

A estátua de cera e resina de Hitler, feita em 2001 e batizada de "Him", era avaliada entre US$ 10 milhões e US$ 15 milhões. Em 2012, a obra foi exibida no museu Guggenheim de Nova York. Na peça, Hitler aparece ajoelhado com as mãos cruzadas. Olhada por trás, a escultura lembra um menino orando. Mas, de frente, leva o inconfundível rosto do líder nazista.    

"Him" foi leiloada junto com um conjunto de 39 obras, entre elas "One Ball Total Equilibrium Tank", de Jeff Koons, totalizando US$ 78 milhões. O leilão levou o nome de "Fadado ao Fracasso" e contava com peças modernas e contemporâneas que exploravam o tema do fracasso comercial.