Estréia da peça "O Amor Perdoa Tudo, Inclusive Casamento"

O premiado autor de 26 livros, o múltiplo artista Fabrício Carpinejar dá o start agora em sua carreira como dramaturgo na comédia 'O amor perdoa tudo, inclusive o casamento', baseada no seu livro 'Ai Meu Deus, Ai Meu Jesus – Crônicas de Amor e Sexo’ de 2012.

O texto adaptado pelo próprio autor, em parceria com a roteirista Cláudia Tajes  é estrelado pelos atores Alexandra Richter, Muhamed Harfouch e Marcelo Aquino, sob direção de Ary Coslov, direção de produção de Cássia Vilasbôas e realização de NOVE Produções. 

O espetáculo mostra o universo do casamento e joga uma pedra em clichês que tentam macular a "sagrada instituição".

O roteiro é roupa de cama: colcha, lençol e fronha de palavras. Preenchendo os vazios da cama, moldando as performances, detalhando os sentimentos, cobrindo e descobrindo o sexo. O encontro dos amantes, a euforia do início do casamento, a negação do amor.