Alunos do Passageiro do Futuro apresentam ‘O auto da Compadecida’, de Ariano Suassuna 

Projeto de formação profissional em oficinas de artes cênicas já atendeu 1.380 jovens

Estreou nesta quinta-feira, o espetáculo 'O Auto da Compadecida', com jovens do Caju. Espetáculo finaliza a 18ª edição do Passageiro do Futuro, projeto sociocultural que há 14 anos capacita jovens em oficinas de artes cênicas e interpretação.

Em 14 anos, o Passageiro do Futuro levou a 25 bairros a capacitação de adolescentes de 14 a 21 anos para as diversas funções técnicas no teatro: sonorização, iluminação, caracterização (maquiagem), figurino, corpo e voz, cenário, além de interpretação. Já foram atendidos 1.380 jovens em 43 comunidades, estabelecendo núcleos de criação que beneficiam as comunidades como um todo.

Era 2001 e uma odisseia começava para a atriz e produtora Juliana Teixeira. Baiana radicada no Rio de Janeiro, integrava o elenco de 'Tudo no Escuro', peça de Peter Shaffer. “Ali tudo dependia de iluminação e começamos a ter dificuldades em conseguir técnicos para a turnê”. Foi o gatilho para por em prática um desejo de levar o teatro e suas oportunidades artísticas e profissionais às comunidades mais carentes - e também de atender, em alguma medida, a essa carência de mão de obra no teatro profissional. O projeto Passageiro do Futuro ali começava uma trajetória - que completa 14 anos-, e veio cumprir essa missão.

Edição 2015

No ano de 2015, o Passageiro do Futuro abrigou cerca de 60 jovens, vindos de 09 escolas em 05 diferentes bairros. São alunos em sua maior parte residentes do Caju, que estudam em unidades escolares de outros bairros, e que neste mês de janeiro percorrerão diferentes locais com a apresentação do espetáculo ‘O auto da Compadecida’, de Ariano Suassuna, com direção de Mônica Alvarenga. 

A trama narra as confusões encabeçadas por Chicó e João Grilo, que tentam convencer o padre a benzer o cachorro de sua patroa, a mulher do padeiro. Como o padre se nega a benzer e o cachorro morre, o padeiro e sua esposa exigem que o padre faça o enterro do animal. “Com este espetáculo conseguimos discutir, ao mesmo tempo, questões políticas, sociais e religiosas de uma forma lúdica”, avalia a diretora. “Nosso objetivo aqui é revelar nos são só as potências individuais, mas ampliar a capacidade reflexão desses jovens sobre os mais diversos temas.” 

Na edição 2015, os alunos tiveram aula com Adriana Seifert (Corpo e Voz),  Mônica Alvarenga (interpretação), Nívea Faso (figurino), Leandro Ribeiro (Cenário), Cláudia Carvalho (caracterização teatral) e Chiquinho Rota (sonorização).

Confira a programação

Dia 15 de janeiro, (6ª feira), às 15h 

Auditório da Vila Olímpica Mané Garrincha do Caju 

Rua Carlos Seixas, s/n. Caju. Tel. 2580-4938

Dias 18 e 19/01 (2ª e 3ª feiras), às 15h 

Salão da Casa São Luiz 

Rua General Gurjão, 533 - Caju. Tel. 2159-9999

Dia 20/01 (4ª feira), às 15h 

Teatro do Tijuca Tênis Clube 

Rua Conde de Bonfim, 45. Tijuca. Tel. 3294-9300

Dia 21/01 (5ª feira), às 15h

Salão do Centro de Referência de Assistência Social/CRAS 

Rua Gal. Sampaio, 74 - ponto final do 906 - Caju. Tel. 3895-8668

Dia 22/01 (6ª feira), às 10h 

Quadra do Grêmio D. João VI / Vila Militar Caju 

Rua Duque de Caxias, 90 - Caju. Tel. 3483-9075

Dia 23/01 (sábado), às15h 

Teatro da Biblioteca Parque 

Av. Pres. Vargas, 1261 - Centro. Tel. 2332-7225

Dias 25 e 26/01 (2ª e 3ª feiras), às 15h 

Salão do Gol de Letra Caju 

Rua Carlos Seidl,1141. Caju. Tel. 3895-9001  

Profissionalização em curso

Ao longo de 14 anos, mais de 1.300 alunos passaram pelo Passageiro do Futuro. Muitos estão atuando no mercado de artes cênicas, de entretenimento e na moda ou ingressaram em cursos superiores da área. A meta é absorver 20% de cada grupo no mercado de trabalho das artes cênicas – os próprios professores às vezes contratam alunos do projeto.

“Temos outros Passageiros em áreas diferentes”, complementa Juliana Teixeira. “Alguns ex-alunos não seguem no mercado do entretenimento, mas ainda assim apontam a participação no projeto  como um diferencial em suas vidas”.

O mais recente aluno do projeto a se profissionalizar é Dougie Vergueiro – aluno da edição 2013/2014. Atualmente, Dougue está  em cartaz no musical “Andança”, sobre a vida de Beth Carvalho, onde interpreta Zeca Pagodinho.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais