Pesto genovês pode virar Patrimônio da Unesco

Os italianos apresentarão a candidatura do pesto genovês ao título de Patrimônio Cultural "Imaterial" da Humanidade da Unesco.

O anúncio da candidatura foi realizado no Palazzo della Borsa, na cidade de Gênova, pelos advogados da associação italiana Palatifini que, todos os anos, organiza o Campeonato Mundial do Pesto ao Pilão.

Segundo representantes da entidade, "o objetivo é transformar em Patrimônio da Unesco a técnica de trabalho no pilão, uma tradição que está se perdendo".

A região de Gênova é conhecida pela receita mais antiga e tradicional de um dos molhos mais famosos da Itália. Nela, o manjericão, o azeite extra-virgem, o pinoli, o queijo parmesão e o sal grosso são misturados manualmente com ajuda de um pilão de madeira ou de pedra.