Museu da Vida tem seminário sobre dimensão educativa nas exposições

O olhar para a exposição com foco em sua dimensão educativa será discutido no próximo seminário do curso latu sensuem divulgação científica. O tema será abordado na segunda-feira, dia 22, a partir das 9h30, pela especialista em educação Carla Gruzman, do Serviço de Educação em Ciências e Saúde, do Museu da Vida. A palestra tem entrada gratuita e aberta ao público, na Oficina-Escola de Manguinhos – na sede da Fiocruz, na Avenida Brasil, 4365 - próximo à passarela 6.

No seminário "A Exposição e o Discurso Expositivo no Museu de Ciências: contribuições da abordagem sócio-histórica da linguagem”, a educadora aborda as etapas metodológicas da pesquisa em educação em museus, com foco nos estudos de linguagem e em seu objeto de investigação – o Museu de Microbiologia do Instituto Butantan (SP).

O evento integra o ciclo de palestras “Seminários em Divulgação Científica” e faz parte do Curso de Especialização em Divulgação da Ciência, da Tecnologia e da Saúde, uma parceria entre Museu da Vida/Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz, Casa da Ciência/UFRJ, Fundação Cecierj e Museu de Astronomia e Ciências Afins e Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Destina-se a um público diversificado: museólogos, comunicadores, cientistas, educadores, sociólogos, cenógrafos, produtores culturais, professores de ciências licenciados (nível superior) e demais profissionais que atuam, seja no âmbito prático ou acadêmico, na área da divulgação da ciência, da tecnologia e da saúde, da comunicação pública da ciência e da popularização científica.