Festival de Berlim completa seleção das mostras Geração

Brasil participa na categoria de curta-metragem com dois filmes 

O Festival de Berlim, de 07 a 17 de fevereiro, completou a programação das mostras Generation Kplus e Generation 14 plus, destinadas ao público juvenil. Os filmes, que  concorrem ao Prêmio Urso de Cristal, serão avaliados por um júri de jovens  entre as idades de 11 e 14 anos. Foram selecionados 60 longas e curtas-metragens, vindos de  36 países.  

Ao fazer o anúncio, Maryanne Redpath, diretora da Mostra, descreveu o sentido da seleção deste ano: “As estruturas estão desmoronando, seja nas instituições familiares ou em toda a sociedade. No entanto, o desejo de comunidade ainda é forte e motiva os jovens a examinarem a si próprios e a seus ambientes”, afirmou. 

Na categoria de curta-metragem, entre 17 títulos, o Brasil participará com dois filmes na Generation 14 Plus: Destimação, do goiano Ricardo de Podestá, e O Pacote, de Rafael Aidar.  

Destimação,  que participou do  Festival de Brasília e do Anima Mundi, é um filme de animação que trata do tráfico de animais, através da relação de uma criança da cidade grande, que encontra em um papagaio a companhia que precisava para suprir sua carência.  Segundo o diretor, embora tenha sempre vivido em metrópoles, o filme não é autobiográfico. “Talvez a única coincidência seja o fato de que eu tive um papagaio quando era criança, mas também tive um cachorro”, conta. 

O Pacote, por sua vez, é um drama produzido pela Aurora Filmes sobre dois adolescentes, situado na zona norte de São Paulo. 

Na Generation Kplus, com 18 títulos, o representante latino é o chileno Niño Arbol, de Waldo Salgado. 

O Festival também anunciou nesta quarta-feira (09) a seleção da competitiva oficial de curtas-metragens.  Com 27 títulos de 20 países, a mostra não incluiu título brasileiro.  O destaque é Step by step, do cineasta  sírio Ossama Mohammed em 1979, que será mostrado fora de competição.  O filme traça um belo retrato da juventude operária na Síria da época. 

Veja a lista completa dos longas-metragens selecionados das Mostras Geração.

Generation 14plus

Jin, de Reha Erdem – Turquia

Princesas rojas, de Laura Astorga Carrera – Costa Rica / Venezuela

Tang wong, de Kongdej Jaturanrasmee – Tailândia 

Um fim do mundo, de Pedro Pinho – Portugal

Como já anunciado previamente, o programa também inclui: 

Baby blues, de Kasia Roslaniec – Polônia 

Capturing dad, de Ryota Nakano – Japão 

Hide your smiling faces, de Daniel Patrick Carbone – EUA

Pluto, de Shin Suwon – Coréia do Sul 

Shopping, de Louis Sutherland e Mark Albiston – Nova Zelândia 

The cold lands, de Tom Gilroy – EUA

Touch of the light, de Chang Jung-Chi – Taiwan / Hong Kong, China

Tough bond, de Austin Peck e Anneliese Vandenberg – EUA 

Generation Kplus

Anina, de Alfredo Sordeguit – Colômbia / Uruguai 

Don’t expect praises, de Yang Jin – China / Coréia

Eskil & Trinidad, de Stephan Apelgren – Suécia 

La eternal noche de las doce lunas, de Priscila Padilla Farfan – Colômbia 

Marussia, de Eva Pervolovici – França / Russia

Stepping on the flying grass, de Eugene Panji – Indonésia 

E mais: 

Uisodedown, de Bernd Sahling – Alemanha 

Mother, I love you, de Janis Nords – Letônia 

The zigzag kid, de Vincent Bal – Holanda / Bélgica 

Wasteland, so that no one becomes aware of it, de Anne Kodura  – Alemanha 

Satellite boy, de Catriona McKenzie – Austrália 

The rocket, de Kim Mordaunt – Austrália

Three kids, de Jonas d’Adesky – Bélgica