Ex-segurança de Bieber processa cantor por agressão, diz site

Ex-segurança de Justin Bieber, o israelense Moshe Benabou abriu um processo judicial contra o astro teen, afirmando que ele o agrediu após um desentendimento, informou o site TMZnesta quinta-feira (10). De acordo com Benabou, que alega ter trabalhado para Bieber de março de 2011 a outubro de 2012, o cantor teria dado vários socos em seu peito, além de dever mais de US$ 420 mil em horas não remuneradas.

Fontes próximas a Bieber, no entanto, garantem que Benabou não é nada mais do que um “empregado descontente querendo dinheiro” e que as acusações são “absurdas”. Quanto ao motivo pelo qual o segurança foi demitido, as fontes contaram que Benabou contava muitas mentiras. Uma delas foi que, antes de ser contratado pelo cantor, ele teria dito que já havia trabalhado para Justin Timberlake, mas depois foi descoberto que não era verdade.