Centro de Artes da Maré: 2 livros e exposição grátis

O Centro de Artes da Maré realiza evento gratuito nesta sexta (28), às 18h, no qual lançará os livros Guia de Ruas da Maré e Testemunhos da Maré, este último de Eliana Sousa, além da exposição de artes plásticas A Cor da Maré, de Chico Moreira. 

O Guia de Ruas da Maré é um dos resultados do Censo Maré, uma iniciativa da Rede de Desenvolvimento da Maré em parceria com o Observatório de Favelas, a Fundação Ford e a Petrobras. O patrocínio é da ActionAid e o apoio, do Instituto Pereira Passos e das 16 Associações de Moradores da Maré. 

A publicação traz o mapeamento cartográfico de toda a região, composta por 16 favelas, onde habitam mais de 130 mil pessoas, na Zona Norte do Rio de Janeiro. O guia é fundamental para o reconhecimento oficial das ruas pela prefeitura do Rio. “Será possível reivindicar a inclusão das ruas que ainda não possuem CEP no Código de Endereçamento Postal, que é uma referência cartográfica básica", comemora Dalcio Marinho Gonçalves, coordenador do Censo Maré.

“O livro é uma publicação que derruba a ideia de que a favela é o dito aglomerado subnormal”, diz Gonçalves. “Ampliar as referências cartográficas deste território significa dar mais visibilidade às dezenas de milhares de moradas, para as quais o ato de declarar o endereço ainda tem efeito vão ou desfavorável ao morador. Este guia é uma importante contribuição para que os cariocas reconheçam este lugar como o bairro que, de fato, é.”, afirma Dalcio.

As mesmas ruas que hoje fazem parte do Guia de Ruas da Maré já foram bem diferentes na década de 1970. A exposição A Cor da Maré, de Chico Moreira, tem justamente o objetivo de proporcionar esse resgate histórico por meio das artes plásticas. O pintor se baseou em fotos preto e branco da época para reproduzir imagens do cotidiano da região em telas de couro pintadas com tinta acrílica, utilizando a técnica de pirografia.

São 12 telas que retratam cenas do cotidiano da época, como a de mulheres transportando água com rola-rola (barril de vinho deitado na horizontal com pneus acoplados em suas extremidades e puxados com cabos de madeira), lençóis estendidos nos varais, fachadas dos barracos e barcos usados para pesca.  A Cor da Maré estará exposta no Centro de Artes da Maré por um mês. A entrada é franca.   

Já o livro Testemunhos da Maré, de Eliana Silva, traz fragmentos do cotidiano da Maré, depoimentos em primeira pessoa, entrevistas com personagens do dia a dia da região, além de pesquisa inédita realizada pela autora. Eliana, que foi moradora da Maré por 28 anos e hoje atua como diretora da Redes da Maré e da Divisão de Integração Universidade e Comunidade da Universidade Federal do Rio de Janeiro, expõe em sua obra as contradições existentes no território, principalmente em relação à garantia de segurança para seus moradores.

O resultado é um documento que analisa a questão da segurança pública em seus mais variados matizes, assim como apresenta propostas e aponta soluções que passam, prioritariamente, pelo aprofundamento da noção de cidadania e de garantia de direitos aos moradores desses territórios.

Serviço 

Lançamento dos livros Testemunhos da Maré e Guia de Ruas da Maré e da exposição A Cor da Maré

Local: Centro de Artes da Maré Endereço: Rua Bittencourt Sampaio, 181 - Próximo a Av. Brasil - Maré - Rio de Janeiro

Data: 28 de setembro

Horário: 18h  

Entrada Gratuita