Longas-metragens terão financiamento de mais de R$ 13 milhões do BNDES

Rio de Janeiro – Dezessete filmes de longa-metragem vão receber apoio financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no valor de R$ 13,4 milhões.

Para os filmes de ficção e animação, o apoio se dará por meio da aquisição de certificados de Investimento Audiovisual. Já para os documentários, a colaboração financeira é não reembolsável, ou seja, não exige a devolução dos recursos.

O anúncio do resultado do Edital de Seleção Pública de Projetos Cinematográficos 2011/2012 foi feito hoje (27) pelo BNDES. O apoio do banco ao setor cinematográfico brasileiro foi iniciado em 1995. Desde então, o BNDES concedeu cerca de R$ 146 milhões em financiamento e recursos não reembolsáveis para um total de 366 filmes.

Os projetos selecionados este ano que receberão maior volume de recursos são Confissões de Adolescente – O Filme, de Daniel Filho; A Esperança É a Última que Morre, de Calvito Leal;  Trinta, de Paulo Machline;  e Meu Amigãozão – O Filme, de Andrés Maurício Lieban, todos com  R$ 1,15 milhão cada.