João Carlos Martins emociona na abertura da Bienal de São Paulo

O maestro João Carlos Martins emocionou o público presente na abertura da Bienal do Livro de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (9), ao tocar o Hino Nacional Brasileiro e declarar: "eu nunca vou parar com essa teimosia", a despeito do fato de não poder mais tocar piano.

Além dele, os curadores do evento, Zeca Camargo, Paulo Markun e Antonio Carlos Sartini - este último o curador do Museu da Língua Portuguesa - falaram durante a solenidade.

Com o tema "Livros transformam o mundo, livros transformam pessoas", homenagens aos centenários de Jorge Amado e Nelson Rodrigues e aos 90 anos da Semana de Arte Moderna, a Bienal de 2012 espera receber 800 mil visitantes, 60 mil a mais que em 2011.