Gravação mostra que Whitney Houston já não respirava ao ser encontrada 

Uma gravação da ligação feita para o resgate na noite em que Whitney Houston morreu foi divulgada nesta quinta-feira (12). A evidência mostra que a cantora já não estava respirando quando foi encontrada no banheiro do hotel em que estava hospedada, em Los Angeles, no dia 11 de fevereiro. As informações são do The Sun.

Um homem que se identifica como membro da segurança do hotel Beverly Hilton diz: "não estou certo se ela caiu ou se já estava na banheira cheia de água". Ele acrescenta que ficou sabendo do acidente por uma mulher "irada" que ligou para a segurança do hotel.

O membro da equipe de segurança não identifica Whitney Houston pelo nome, mas diz que a cantora "não estava respirando". "Ela não estava repirando? Ela está respirando agora?", pergunta o operador. "Eu não sei. A pessoa que ligou estava irada e eu não consegui tirar mais nada dela", completou.

A polícia de Beverly Hills deu por encerrada a investigação sobre a morte de Whitney Houston, descartando a possibilidade de crime. Após exames, um relatório informou que ela "possivelmente tomou uma overdose de uma substância narcótica, medicamentos com prescrição, medicamentos de venda livre e álcool".