Kelly Osbourne dá dicas para ter mais confiança no próprio corpo

Após anos sendo conhecida como "gordinha", Kelly Osbourne passou a se considera uma pessoa magra. Segundo a Glamour, a cantora se esforçou para conseguir as formas que tem hoje. "Eu já trabalhei duro para mudar o meu corpo ao longo dos anos e, no processo, eu realmente aprendi a me amar. Eu quero que você se ame também", disse. Por isso, Kelly contou o que fazer e o que não fazer para obter confiança no corpo.

Encontre o seu lado positivo

"Nós não reconhecemos a nossa própria beleza porque estamos ocupadas demais e nos compararmos a outras pessoas. Não somos todos Gisele Bündchen, não somos todos Beyoncé", destacou. Segundo Kelly, até as meninas mais bonitas do mundo se sentem inseguras. "Não existe a perfeição", opinou. A dica de Kelly é se olhar no espelho e tentar encontrar algo que você gosta. Pense: "eu tenho isso e um monte de outras pessoas não". "Eu costumava ficar chateada porque eu não tenho uma unha do pé bonita. Mas eu olhei para mim, e pensei: uau, eu realmente tenho um nariz bonito", contou.

Para Kelly, era um desafio encontrar o lado positivo do corpo. "Quando eu acordava de manhã e olhava no espelho, eu me achava tão terrível. É como ter um demônio em um ombro e um anjo no outro. Eu tento o meu melhor para ignorar o diabo."

Ignore o que as pessoas falam

Às vezes é necessário não ouvir a opinião de outras pessoas. "Foi o que aconteceu comigo e Christina Aguilera. Ela me chamou de gorda por anos. Mas uma noite, em um evento, eu disse que ela estava gorda demais. Eu não disse que eu não era gorda, mas disse que agora ela sabia como eu me sentia", contou.

Um passo importante é mudar a mente "colegial" e ignorar o que te coloca para baixo. Por isso, reavalie os seus amigos e siga em frente. "Você não precisa desses tipos de pessoas em sua vida", destacou.

Não se obrigue a usar um biquíni

"A primeira vez que eu realmente usei um biquíni foi há dois anos. E quem disse que você precisa disso?", destaca, acrescentando que não vê problema algum em usar um maiô retrô. Segundo Kelly, você deve se vestir para si e não para os outros.

Não queira copiar outras pessoas

Kelly disse que não precisa ser igual a alguém para ser feliz. Em novembro do ano passado ela pintou o cabelo grisalho e, em seguida, uma campanha da Channel estava no mesmo estilo e todos os outros começaram a gostar da ideia. "Eu fiz isso por causa de um recorte de revista que eu encontrei quando eu tinha 13 anos. Eu sou a pessoa mais cool da Terra e eu me amo. Mas eu não quero ser cool. Eu me sinto bem na minha própria pele, porque eu aceitei o fato de ser quem eu sou eu. Todo mundo é diferente", finaliza.