Gretchen sobre foto como garçonete: "estava gravando comercial"

Quase quatro meses depois da divulgação da polêmica foto em que aparecia vestida como garçonete em um restaurante em Orlando, nos EUA, Gretchen foi nesta sexta-feira (13) ao programa Muito +, de Adriane Galisteu, para esclarecer o ocorrido. E, contra todas as reportagens publicadas na ocasião, ela negou enfaticamente que estivesse trabalhando no local, ofício supostamente adquirido para pagar uma dívida.

"Estava gravando um comercial", garantiu a dançarina de 52 anos, afirmando que no local havia câmeras escondidas para captar a reação dos clientes ao constatar a sua presença por ali. Despertando dúvidas dos convidados do programa, ela ainda precisou justificar a falta de maquiagem durante a suposta filmagem. "Eu não estava com maquiagem porque simplesmente não as uso. Passo apenas um rímel, um gloss e acabou".

Segundo Gretchen, o automóvel que, de acordo com coluna da revista Veja, teria lhe gerado tantas dívidas sequer está mais com ela e suas pendências financeiras estão totalmente resolvidas. "Fiz a transferência no cartório, não tem mais nada a ver comigo. Muitos veículos de mídia tentaram me entrevistar, mas eu não quis, não estou nem aí. Não devo satisfações".

O programa de Galisteu, que estreou na última segunda-feira (9), ainda colocou o responsável pela divulgação da foto para explicar pelo telefone como se deu o flagra. "Ele não teve culpa de nada", disse a dançarina após ouvi-lo, chegando a elogiar o fato de a imagem ter conseguido colocar de volta seu nome na mídia. "No fim, até me trouxe benefícios, coisas boas para a minha vida".