Plácido Domingo atua em representação barroca no réveillon de NY 

O tenor espanhol Placido Domingo vai acrescentar, no Metropolitan Opera de Nova York, um novo papel a seu repertório, durante o réveillon, estreando uma representação lírica com textos de Shakespeare e música de compositores barrocos. 

O tenor, de 70 anos, será o Netuno, no dia 31 de dezembro, na peça concebida pelo britânico Jeremy Sams, segundo o site internet du ‘Met’. 

Os demais papéis serão distribuídos aos cantores americanos David Daniels e Joyce DiDonato, assim como ao italiano Luca Pisaroni, que interpretará ‘Caliban’, um personagem de ‘A tempestade’ de Shakespeare. 

Para criar ‘A Ilha encantada’ ("The Enchanted Island"), Jeremy Sams utilizou a técnica do pasticho, muito em voga no século XVIII, e que consiste em garimpar, na música, óperas já existentes, associando a elas um novo libreto, para criar uma obra inédita. 

Em ‘The Enchanted Island’, os personagens são extraídos de dois livros de Shakespeare, ‘A tempestade’ e ‘Sonho de uma Noite de Verão’, e a música vem de óperas de Haendel, Vivaldi, Rameau, Campra e Leclair.