Nicolas Cage vende história em quadrinhos por US$ 2 milhões

Fã de histórias em quadrinhos, Nicolas Cage arrecadou US$ 2 milhões (cerca de R$ 3,6 milhões) com a venda do exemplar número 1 do Super-Homem em um leilão online. Estima-se que existam apenas 100 edições em todo o mundo da revista de estreia do super-herói.

O gibi recebeu da Certified Guaranty Company, empresa líder em classificação de quadrinhos, a nota 9.0 de preservação. Em março deste ano, uma cópia com avaliação inferior foi vendida por US$ 1,5 milhão (aproximadamente R$ 2,7 milhões).

Há 10 anos, esta mesma história em quadrinhos foi roubada do ator. Na época, ele disse: "foi muito especial quando eu encontrei essa revista e tenho esperança de que ele será devolvido à minha família". Cage comprou o gibi em 1997, também durante um leilão, após desembolsar US$ 150 mil (cerca de R$ 270 mil).