Com mais de uma hora de atraso, portões se abrem no SWU

Por volta das 13h15 deste sábado, aconteceu a abertura oficial dos portões do SWU. O público que aguardava sob um sol escaldante, viu um atraso de mais de uma hora, já que a abertura oficial estava programada para o meio-dia.

Um dos motivo do atraso foi a demora na organização das funções de cada monitor. Líderes de equipe fizeram os últimos testes de equipamento faltando poucos minutos para a abertura. Apesar do número de pessoas não ser tão grande na espera, muitos mostraram indignação com a demora. "Eu já esperava por essa demora, ano passado também foi assim. Estou aqui desde às 6h e acho que poderia, ao menos, ter alguns banheiros. Não tinha nem lixeira, eles trouxeram agora", disse o porteiro Matheus Vinícius dos Santos, 19 anos.

O público começou a gritar contra a demora. "Abre, abre, abre", era o som que se ouvia por volta das 13h na entrada principal do festival. Algumas pessoas, mais nervosas, jogaram copos e garrafas de plásticos nos monitores que barravam a entrada. Mas foi apenas um indício de manifestação, que não gerou grandes transtornos aos organizadores.

Com a abertura dos portões, os primeiros a passar saíram correndo em direção aos principais palcos do evento: Energia e Consciência. Jefferson Magalhães, 19 anos, foi um dos primeiros a entrar e, apesar da demora, se mostrou animado para assistir ao show do Marcelo D2. "Eu estou aqui desde às 10h, mas estou animado para o show do Marcelo D2 que começa daqui a pouco", disse.

>> Grávida de sete meses é a primeira a entrar no SWU

Com poucos minutos o fluxo foi controlado e, aos poucos, o público começa a tomar conta do Complexo Cultural Parque Brasil 500, local dos shows. Neste sábado, passarão pelos palcos do SWU nomes como Emicida, Marcelo D2, Damian Marley, Snoop Dogg, Kane West e The Black Eyed Peas.

SWU - segunda edição de casa nova

Pioneiro no Brasil no formato festival + acampamento, o SWU ganha sua segunda edição. Em 2011, o evento acontece na cidade Paulinía, interior de São Paulo (125 km da capital), entre os dias 12 e 14 de novembro.O primeiro SWU aconteceu em outubro, na cidade de Itu, e reuniu nomes como Rage Against the Machine, Queens of the Stone Age, Kings of Leon e Linkin Park.

Assim como foi em 2010, o SWU se dividirá em quatro setores: dois palcos principais - Consciência e Energia, o New Stage e a Tenda Eletrônica. Neste sábado, sobem aos palcos montados no Parque Brasil 500 nomes como Damian Marley, Snoop Dogg, Kanye West e Black Eyed Peas. Entre os representantes brasileiros ainda estão Emicida, Marcelo D2 e Copacabana Club.

O domingo será marcado por uma miscelânea musical. Os palcos principais terão Zé Ramalho, Ultraje a Rigor, Tedeschi Trucks Band, Chris Cornell, Duran Duran, Peter Gabriel e Lynyrd Skynyrd. No New Stage, vale ficar atento aos brasileiros do Sabonetes e no grupo !!!. Quem também toca por lá é o Modest Mouse e a veterana e polêmica Courtney Love com o Hole.

O dia de encerramento do SWU promete ser memorável para os fãs do rock dos anos 90. Nos palcos principais se revezerão grupos como Sonic Youth, Primus, Stone Temple Pilots , Alice In Chains e Faith No More. Para os fãs do metal, o Megadeth também marcará presença. No New Stage vale ficar atento ao trio Ash, da Irlanda do Norte e ao grupo experimental canadense Crystal Castles. A banda de pop rock Simple Plan encerra as atividades do palco.