Lançado os primeiros volumes do Inventário de Arte Sacra Fluminense

O Governo do Estado lança, nesta quinta-feira (29/9), os dois primeiros volumes do Inventário de Arte Sacra Fluminense. Coordenado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac), órgão da Secretaria de Cultura, o trabalho é patrocinado pelo Sesc Rio e apoiado pelo Mosteiro de São Bento. O lançamento acontece às 19h, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Jardim Botânico.

Para produzir a publicação, foram visitados 28 municípios das regiões Norte, Noroeste e das Baixadas Litorâneas. O Inepac registrou mais de mil objetos em sete meses de trabalho. O inventário foi coordenado pelo museólogo Rafael Azevedo, diretor do Departamento de Apoio a Projetos de Preservação Cultural do Inepac, e teve a consultoria de dois especialistas religiosos: frei Róger Brunorio e dom Mauro Fragoso

A secretária de Cultura, Adriana Rattes, destaca que com a publicação destes dois volumes o Governo Estado inaugura um novo capítulo na política fluminense de preservação de obras de arte.

- Iniciativas como este inventário são de grande importância, tanto para a democratização do acesso aos nossos bens culturais, como também para estimular nossos municípios e a população em geral a empreender ações zelosas em defesa do patrimônio cultural fluminense – disse a secretária.

A publicação inclui aproximadamente 700 peças das três regiões pesquisadas. Cento e quinze monumentos, incluindo igrejas, capelas, fazendas e museus, tiveram suas coleções catalogadas, que serviram de inspiração para três artigos inéditos, incluídos no primeiro volume da obra.