Lindsay Lohan deve ser acusada apenas por delito

 

Lindsay Lohan realmente não sai dos holofotes. De acordo com oTMZ, a atriz está sendo acusada de um roubo de um colar que teve o preço inflacionado cerca de 300%.

A designer vendeu o colar para a loja Kamofie & Co. por US$ 850 (aproximadamente R$ 1.350), valor que não qualifica o crime como grande roubo. Para que fosse qualificado dessa forma, o objeto furtado teria que ter valor igual ou maior que US$ 950 (R$ 1.500). A loja estava tentando vender a joia pela bagatela de US$ 2.500 (cerca de R$ 3.950).

Segundo a publicação, Shawn Holley, advogado de Lindsay, argumentará que sua cliente poderá ser acusada somente de um delito, devido ao valor do colar.