Belém entra no radar internacional com show do Iron Maiden

Com um público estimado em cerca de 11 mil pessoas, segundo informações da polícia, Belém do Pará entrou oficialmente para o radar dos shows internacionais.

O grupo entrou no palco no Cidade Folia com apenas alguns minutos de atraso - o show estava previsto para começar às 21h - e fez o set pronto que já tinha apresentado em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília (segundo fãs nas redes sociais do Twitter e Orkut). Entre os intervalos de uma música e outra, o vocalista Bruce Dickinson comentou que era uma "honra" estar pela primeira vez em Belém, dizendo que a família do metal se espalha pelo mundo. Ele ainda lamentou a terrível tragédia que devastou várias áreas do Japão após um terremoto, seguido de um tsunami, e disse estar chateado por não poder tocar no país até que as coisas se acalmem.

A abertura do espetáculo ficou a cargo do grupo de metal nacional de Belém do Pará, Stress, que tem cinco discos (duas coletâneas) e se autoproclama a primeira banda de heavy metal do País, já que ela foi fundada em meados dos anos 1970.

De acordo com a prefeitura da cidade, mais de 300 trabalhadores locais ajudaram na montagem do palco e organização do espetáculo, que ainda passará por Recife e Curitiba.

Com informações da prefeitura de Belém do Pará, Polícia Militar do Estado do Pará e organização do show.