Como esperado, Christian Bale ganha como Ator Coadjuvante

Com um SAG e um Globo de Ouro na bagagem, o ator Christian Bale pôde acrescentar à sua estante o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante por seu trabalho em O Vencedor (The Fighter) neste domingo (27), durante a entrega dos prêmios da Academia.

O filme, dirigido por David O. Russell, conta a história real de David Ecklund (Christian Bale), um lutador de boxe que ganhou fama por ter enfrentado o campeão mundial Sugar Ray Leonard. Depois de desperdiçar sua carreira com o uso de crack, chega a vez de Ecklund passar seus ensinamentos ao irmão rejeitado, Micky Ward (Mark Wahlberg), que também sonha em ser um boxeador de sucesso.

Conhecido por sua interpretação na franquia Batman, Christian reuniu neste personagem diversas características que a Academia aprecia: passou por uma tremenda mudança corporal, é perturbado, febril e intenso. Dessa forma, levou a melhor sobre Mark Ruffalo (Minhas Mães, Meu PaiO Discurso do Rei), Jeremy Renner (Atração Perigosa) e John Hawkes (Inverno da Alma).

Essa foi a primeira indicação de Bale ao Oscar. Por seu trabalho em O Vencedor, ele concorreu ao BAFTA, venceu o Globo de Ouro e o SAG nesta mesma categoria e levou para casa uma série de prêmios regionais.