Backstreet Boys lotam show em SP 10 anos após auge

Uma das poucas boy bands a manter o sucesso até hoje, o Backstreet Boys lotou o Credicard Hall em São Paulo na noite deste sábado (26) dez anos após o auge da carreira. Em 5 de maio de 2001 eles fizeram a primeira apresentação na cidade, no Anhembi, para fãs adolescentes histéricas, que ficaram dias na fila para garantir um espaço mais perto dos ídolos (hoje basta juntar dinheiro para a pista VIP).

Neste sábado, o público era o mesmo de dez anos atrás. As adolescentes hoje são mulheres entre 25 e 30 anos, igualmente histéricas. O que se viu no Credicard Hall foi um clima de nostalgia, grupo de garotas relembrando a adolescência, de quando tinham pôsteres do quinteto (hoje quarteto, sem Kevin, que deixou a banda em 2006) no quarto e choravam ao ouvir as baladas românticas All I Have to Give e As Long as You Love Me.

A.J, Brian, Howie D. e Nick cantaram para essas fãs fiéis os maiores sucessos da carreira e as novas músicas do CD This is Us. O show começou às 22h13 - confirmando a pontualidade que o grupo tanto preza - e não contou com efeitos pirotécnicos que pôde ser visto na primeira vez que eles vieram ao Brasil. Maduros, eles não precisam mais se preocupar em fazer grandes espetáculos, nem com as críticas de um show raso, sem nem ao menos serem acompanhados por uma banda (o quarteto contou apenas com um DJ).

Os não mais garotos enlouqueceram o público ao entrarem no palco com Everybody, seguido de 2. We've Got It Going On e da nova PDA. Mas o ponto alto foi mesmo durante as baladas românticas. Eles fizeram um medley de Quit Playing Games (With My Heart) e As Long as you Love Me e também não deixaram de cantar I'll Never Break Your Heart, enquanto o clipe da música passava no telão (nessa hora pudemos ver como o tempo realmente passou para eles!). O coro das fãs tomou conta do lugar em I Want It That Way, o single de maior sucesso do grupo, que quebrou recordes na estreia, em 1999. "Vocês são as melhores fãs do mundo", elogiou Nick.

Diversão no palco

Em 18 anos de estrada, o público não nota um desgaste da relação da banda. Pelo contrário, eles parecem melhores amigos. A.J. é o bad boy, Nick é o arrasa-corações, Howie é o sensual que rebola o tempo todo e Brian é o pai de família brincalhão. Eles realmente se divertem no palco, correm um atrás do outro, dão pulos e repetem as mesmas coreografias sincronizadas do passado, sem a seriedade de antes.

Para as fãs, Backstreet Boys é sinônimo de voltar no tempo. "Foi como entrar numa máquina do tempo. Comecei a gostar deles aos 14 anos e agora as lembranças retornam. É como voltar a ser adolescente", disse a comissária de bordo Daiane Augusto, 26 anos, que curtiu o show com as melhores amigas de infância Danielle Paiva, 23, e Daniela Silveira, 25. Todas vieram de Americana, no interior de São Paulo, especialmente para a apresentação.

Já a dona de casa Danny de Faria, 34 anos, fez questão de deixar Ribeirão Preto para celebrar os 10 anos de quando viu pela primeira vez o grupo. Ou melhor, tentou ver. "Em 2001, tinha muita gente, não conseguia ver nem o telão. Hoje fiquei tão perto que continuo arrepiada", disse ela, que de tão fanática batizou o filho de 11 anos com o nome de Nicholas, o mesmo do integrante Nicholas Gene Carter, o Nick.

Confira o set list completo do show: 

1.Everybody 

2.We've Got It Going On

3.PDA

4.Quit Playing Games (With My Heart) e As Long as you Love Me

5.This is Us

6.Show Me the Meaning of Being Lonely

7.She's a Dream

8.I'll Never Break Your Heart

9.The Call

10.The One

11.Bigger

12.Shape of My Heart

13.More than That

14.Undone

15.Incomplete

16.Larger Than Life

17.All Of Your Life (You Need Love)

18.Bye Bye Love

19.If I Knew Then

20.I Want It That Way

21.Straight Through My Heart