O adeus a Silvio Caldas

O Jornal do Brasil relembra com tristeza a morte de Silvio Caldas. O cantor e compositor, com 89 anos, morreu de insuficiência respiratória. Três meses antes, fora hospitalizado para uma cirurgia no joelho, depois de levar um tombo. Por recomendação médica, foi obrigado a parar de beber, além de sofrer outras restrições. Desanimado, anorexo e deprimido, viveu seus últimos dias recolhido em seu sítio em Atibaia, interior de São Paulo, até ser internado numa clínica da cidade, onde faleceu no fim da tarde.

Confira o vídeo sobre a vida de Sílvio Caldas

Leia mais sobre o cantor e compositor, no blog ‘Hoje na história’