Centro Cultural do TJ promove hoje o programa "Por dentro do Palácio"

A visita teatralizada será guiada por Ruy Barbosa

RIO - O TJ do Rio promove, através do Centro Cultural do Poder Judiciário (CCPJ-Rio), nesta quarta-feira, dia 12, a partir das 18h, o programa "Por dentro do Palácio" - que é uma visita guiada teatralizada pelo Antigo Palácio da Justiça. O tema da visita será o notável jurista Ruy Barbosa, interpretado pelo ator Eduardo Diaz, que apresentará o histórico Palácio à população. A idéia é mostrar de forma descontraída um pouco da História da Justiça. A entrada é franca.

O presidente do TJRJ, desembargador Luiz Zveiter, que inaugurou em novembro de 2010 as obras de restauro e modernização do prédio, entende que "este tipo de ação cultural aproxima o cidadão do Judiciário e estimula os sentimentos e valores de justiça e cidadania".

A visita terá a duração de 50 minutos e as próximas datas são: 19 e 26 de janeiro e 01 e 02 de fevereiro, também às 18h e com entrada franca.  As inscrições podem ser feitas a partir das 17h30, na sala do CCPJ-Rio, que fica na Rua Dom Manuel, 29, térreo, no Centro. O número máximo de visitantes diários é de 30. Mas, neste primeiro dia, todos que comparecerem ao local poderão fazer a visitação.

No roteiro estão previstos os locais mais nobres do Palácio, entre eles, o pórtico de entrada, o Salão Histórico do Primeiro Tribunal do Júri, o Tribunal Pleno, a Câmara Isolada, os Salões dos Espelhos e o Nobre. Tudo será apresentado dentro da visão histórica de Ruy Barbosa. O texto foi elaborado pelo diretor Rafael Ribeiro e tem como base os discursos e grandes frases do renomado escritor.

A visita será iniciada na fachada principal do pórtico com o personagem Ruy Barbosa se apresentando e falando um pouco do Rio antigo e da área no entorno do prédio. O Palácio está inserido no contexto urbano da Praça XV, próximo ao local onde existiu o Morro do Castelo e também a Praia de Dom Manuel, que por mais de dois séculos foi a porta de entrada da cidade.

A idealização do programa é da diretora do CCPJ-Rio, Sílvia Monte, que explicou que o personagem Ruy Barbosa estará "a caráter, de fraque, cartola e bengala", como costumava se apresentar em ocasiões de honra. Os figurinos são uma criação de Daniela Garcia Christino e a caracterização de Vavá Torres.