Suecos do Vains of Jenna fazem show em São Paulo; leia a entrevista

Jaquetas de couro, guitarras distorcidas, caras de mau e tudo aquilo que o hard rock gosta. Vindos das gélidas terras de Falkenberg, na Suécia, a banda Vains of Jenna desembarca no Brasil para tocar neste domingo (31) no Manifesto Bar, em São Paulo. Em entrevista ao Terra, o baixista JP White falou, por telefone, da expectativa de tocar no País, onde "todos seus heróis já fizeram shows".

"Estamos muito empolgados. Ouvimos sempre falar do Brasil e muita bandas tocam aí. Óbvio que queremos fazer nosso melhor show e conhecer nossos fãs", disse JP.Boa parte do repertório dos suecos deve contar com canções de The Art of Telling Lies, lançado no ano passado. "Os shows na Argentina e no Brasil são os primeiros da turnê. Vamos preparar tudo e fazer testes", explicou.

Formada em 2005, a banda ainda conta com Jesse Forte, Nicki Kin, Jacki Stone e Anton Sevhold. Com o visual roqueiro clássico, o grupo abandonou a neve da Suécia para morar em Los Angeles, nos Estados Unidos. "Para nós é muito melhor do que ficar indo e voltando. Moramos mais aqui", disse.

"A Suécia é muito pequena. Você toca em alguns lugares e é só isso. Los Angeles já é muito maior. Você pode fazer muitos shows e depois turnês pelo país inteiro. Se quiser, dá pra fazer shows todos os dias", explicou.

Mesmo buscando inspiração no visual roqueiro de Mötley Crüe, Guns N' Roses e outras bandas do passado, os músicos acreditam na força do gênero e na sua renovação. JP, por exemplo, é fã dos cultuados britânicos do Muse. "Muita gente fala que antigamente era melhor porque havia Beatles e Rolling Stones, mas há muita gente que mantém o rock vivo. O Muse é gigante e faz shows em grandes arenas. Umas das melhores bandas de rock moderno que vejo tocando", afirmou.

Serviço 

Onde: Manifesto Bar - Rua Iguatemi 26 - Itaim 

Quando: 31/10 (domingo) às 18h 

Quanto: R$ 80 

Informações: (11) 3168-9595 e www.manifestobar.com.br