Com show menor que em São Paulo, Bon Jovi se despede do Brasil no Rio

      RIO - Quando o Bon Jovi subiu ao palco pontualmente as 21h30 para apresentar a The Circle Tour, muitas pessoas ainda estavam do lado de fora. Com um público abaixo de esperado, o último show no Brasil decepcionou a maioria dos presentes na Praça da Apoteose, no Rio de Janeiro.

A expectativa de um show repleto de hits como foi em São Paulo e Buenos Aires parece não ter despertado o carioca a sair de casa no começo do feriado. As arquibancadas estavam repletas de espaços vazios e o público parecia despertar apenas nos momentos em que a banda tocava seus antigos hits. Os paulistas tiveram 3 horas de show contra duas dos cariocas. O som da Apoteose também não ajudou muito, além de estar muito baixo, existiam lugares em que dava pra ouvir o eco que vinha das caixas de som que estavam no final da pista.

Com uma produção impecável no palco, um telão de alta definição fazia que de qualquer lugar o público se sentisse mais perto a banda, Jon Bon Jovi subiu ao palco com um colete aberto de couro e calça preta levando os fãs ao delírio.

A banda misturou seus antigos sucessos como You Give Love a Bad Name, It´s My Life Wanted Dead or Alive, Livin` on a Prayer com músicas novas. O ponto alto do show foi quando Bon Jovi rasgou o set-list e num raro momento discursou que de agora em diante eles tocariam o que tivessem vontade. Ao deixar de fora Ill be There for You e Bed of Roses o grupo mostrou que não estava disposto a fazer um show grande quanto o de São Paulo.

A apresentação durou por volta de 2 horas e terminou com a música These Days , que por acaso intitula o álbum da ultima turnê que esteve no Brasil, em 1996. A única duvida foi se Bon Jovi se decepcionou ou não com o público carioca.