Olivier Anquier grava episódios de 'Diário do Olivier' em seu país

Paulo Ricardo Moreira, JB Online

RIO DE JANEIRO - Olivier Anquier voltou às origens na nova temporada de Diário do Olivier. Acompanhado da filha Júlia, de 16 anos, o chef gravou os cinco primeiros episódios na França, onde reencontrou pessoas que fizeram parte de sua formação gastronômica. O resultado desta viagem afetiva estreia nesta quinta-feira, às 22h30, no GNT.

Olivier Anquier e a filha circularam de moto por Paris, Boissy-Le-Châtel, Coulommiers e pelos castelos da região do Vale do Loire. Em cada parada, o chef aproveitou para cozinhar e provar pratos típicos do seu país.

Passeio de barco

No primeiro episódio, com o tema Um steak tartare bem diferente, Anquier e Júlia estão em Paris. Eles visitam uma péniche, barco francês que transitava pelos rios e canais da Europa transportando mercadorias.

A bordo da embarcação, pai e filha passeiam pelo Rio Sena e atravessam Paris. Aproveitando a beleza do cenário e o fim de tarde ensolarado, o chef preparou um steak tartare, receita típica da culinária francesa.

Sempre sonhei em um dia poder fazer um programa assim, com essa vista conta.

A nova temporada tem 13 episódios, ao todo. Anquier reaparece pilotando o Fusca no sexto episódio, seguindo o formato já conhecido pelo público do programa. A viagem pelo Brasil inclui visitas a cidades como Silveiras, São José do Barreiro e Guaratinguetá, em São Paulo, e Barra do Piraí, no Rio de Janeiro. Para tudo acabar na cozinha do chef.