Laudo diz que morte da Brittany Murphy foi acidental

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Após meses de estudo, a perícia médica responsável por investigar a causa da morte da atriz Brittany Murphy, ocorrida no dia 20 de dezembro de 2009, divulgou um relatório nesta quinta-feira (25) no qual identifica o possível motivo da fatalidade.

De acordo com o documento, foram encontradas no corpo de Murphy diversas substâncias presentes em remédios utilizados contra a gripe, contra infecções respiratórias e medicamentos utilizados em inalações. Apesar do excessivo número de substâncias encontradas, nenhuma delas, porém, é ilegal. Todas estão presentes em remédios que podem ser adquiridos sem a necessidade de uma receita médica.

O laudo ainda diz que os possíveis efeitos fisiológicos derivados do consumo desses medicamentos não podem ser descartados, ainda mais devido ao estado debilitado em que se encontrava a atriz. O laudo conclui que a morte foi acidental e ainda descarta o consumo drogas proibidas e álcool.