Canal Brasil estreará o programa "História Sexual da MPB"

JB Online

RIO DE JANEIRO - A música brasileira é o fio condutor para contar a evolução da sexualidade no programa "História Sexual da MPB", apresentado pelo jornalista e pesquisador musical Rodrigo Faour e que estreará no Canal Brasil no dia 24 de fevereiro, às 23h59.

Produzido pela Carioca Filmes, o programa discute, em seis capítulos, fatos que passam pelas letras das canções, por nossas danças e até mesmo pela própria imagem dos nossos intérpretes. Os temas espelham a evolução do amor e do comportamento em nossa música e contam com depoimentos de 32 artistas da MPB de diferentes estilos e gerações.

Inspirados no livro homônimo de Rodrigo Faour e dirigido por Darcy Bürger, cada episódio debate um tema específico dentro da MPB: a mulher, a sensualidade, o duplo-sentido, a dor-de-cotovelo e a sexualidade transgressora.

Dentre os convidados, estão personalidades como Gilberto Gil, Caetano Veloso, Ney Matogrosso, Erasmo Carlos, Fafá de Belém, Simone, Ivan Lins, Fernanda Abreu, Wando, Alcione, Martinho da Vila e ngela Rô Ro. Ao lado desses ícones, Faour resgata histórias de diversas gerações e artistas menos lembrados da nossa música, como Maria Alcina, Eduardo Dussek, João Roberto Kelly, Edy Star, o porno-forrozeiro Manhoso, Dicró, a rainha da fossa Waleska, além de dez grandes nomes da época áurea do rádio.

Serviço: "História Sexual da MPB"

Estreia: 24 de fevereiro (de quarta para quinta), à meia-noite.

Horário alternativo: Sextas, às 21h, e de sexta para sábado, às 4h30.