Debbie Rowe mandou e-mail dizendo não querer criar os filhos, diz site

JB Online

DA REDAÇÃO - Nem mesmo a morte de Michael Jackson pôs fim à polêmica que sempre cercou sua vida.

De acordo com informações do site "ExtraTv.com", Debbie Rowe, ex-mulher do falecido cantor Michael Jackson, teria dito em e-mail que "de jeito nenhum" quer criar os filhos que teve com o astro do pop.

De acordo com o site, Debbie teria enviado o e-mail para uma amiga chamada Rebecca White no dia 5 de julho:

"Meu advogado me diz que quer que eu assuma responsabilidade pelo bem-estar das crianças. Eu quero as crianças? De jeito nenhum! Minha imagem fica boa se eu pedir por eles? Com certeza! Eu não quero ficar como a mulher que desistiu de seus filhos", teria revelado no e-mail a ex-mulher de Michael.

Atualmente, Debbie Rowe está em processo de negociação pela custódia dos dois filhos mais velhos de Michael Jackson - Paris, 11 anos, e Prince Michael, 12 -, junto à mãe de Michael, Katherine Jackson.

Recentemente, o jornal "New York Post" liberou declarações de que Rowe teria aceitado "vender" os filhos por 4 milhões de dólares, afirmação que foi veementemente negada pelo advogado de Debbie Rowe.

Seu escritório também negou que Rowe tivesse enviado o e-mail para Katherine White, e ainda ameaçou processá-la caso ela não retirasse as alegações.

Segundo informações do site TMZ, fontes ligadas ao caso de custódia disseram que Rowe não quer o dinheiro, apenas uma garantia da família de Jackson de que eles continuarão a honrar o acordo financeiro que ela havia feito com o próprio cantor antes de sua morte. Nesse acordo, ela receberia largas quantias de dinheiro mensalmente do cantor.

Com informações dos sites do NY Daily News, ExtraTV e TMZ