Filhos de Michael estão tristes, mas bem, diz empresário

Portal Terra

LOS ANGELES - Frank DiLeo, que foi empresário de Michael Jackson por muitos anos, disse ao tabloide The Sun que os filhos do cantor estão tristes com a morte do pai, mas passam bem. - É um dia muito triste para todos nós. É uma perda terrível. Ele era meu amigo - acrescentou. Michael era pai de Michael Joseph Jackson Jr. 12 anos, Paris Michael Katherine Jackson, 11, e Prince Michael Jackson, 7.

O ator Mark Lester disse que fará tudo para ajudar os filhos do cantor. - Os filhos dele são as crianças mais fabulosas e eu vou fazer tudo por eles. Estarei lá 24 horas por dia e sete dias por semana. Tudo que eles precisarem, conseguirão por mim - disse.

Os rumores sobre a morte de Michael Jackson começaram a aparecer por volta das 13h (horário de Los Angeles), 17h em Brasília, quando uma ambulância foi chamada para socorrer o cantor em sua casa, no bairro de Bel Air, na cidade de Los Angeles. Momentos depois da chegada de Jackson ao hospital UCLA Medical Center, o site de celebridades TMZ publicou a notícia de que o cantor havia morrido. Em seguida, o jornal Los Angeles Time confirmou a informação. A morte de Jackson só foi oficialmente divulgada por volta das 15h (19h em Brasília), quando o Instituto Médico Legal da cidade confirmou a morte do ídolo pop.

O tenente Fred Corral, porta-voz do IML local, disse à rede de televisão CNN que Jackson foi declarado morto às 14h26 (18h26 em Brasília).