Na flor da idade

Jornal do Brasil

RIO - O documentário De orquídeas e selos, de Carolina Paraguassú Dayer, foi selecionado para participar do Festival Internacional de Cinema Feminino, a partir de segunda-feira, na Caixa Cultural. O curta mostra a história do avô da cineasta, João Dayer Bechara, 88 anos. Ele recorda, através da coleção de selos, sua vida: desde a vinda dos pais do Líbano para o Brasil ao tempo em que colecionava orquídeas. "Sempre quis fazer um filme com meu avô, que continua trabalhando diariamente", diz Carol. Em tempo: o doc também participará da Mostra ABD Cine Goiás, seção competitiva paralela ao Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental.