Baterista do Metallica diz que baixou próprio CD ilegalmente

Portal Terra

LONDRES - Lars Ulrich, baterista do Metallica, admitiu que baixou 'Death Magnetic', disco mais recente da banda, de forma ilegal na internet. O músico afirmou que queria 'experimentar o processo'.

- Eu sentei no computador e baixei o álbum só para testar. Eu fiquei surpreso como funcionava. Eu pensei que se tivesse alguém com direito de baixar as músicas de graça, esse seria eu - disse em entrevista ao canal VH1.

Ulrich afirmou ainda que resolveu testar o download dois ou três dias após o vazamento do disco na internet. - Eu sentei lá por trinta minutos e tinha 'Death Magnetic' no meu computador. Foi meio bizarro - finalizou.

O Metallica protagonizou uma das maiores batalhas da indústria musical contra a internet em 2000 quando processou o criador do programa Napster, um dos primeiros que distribuía arquivos de áudio gratuitamente na rede.