Richard Bronson, da Virgin, quer vôo espacial para turistas em 2010

JB Online

RIO - O empresário Richard Bronson, fundador da Virgin Records, uma das maiores cadeias de loja de discos da Inglaterra, está investindo no ramo espacial, e pretende lançar um vôo espacial para turistas em 2010.

Bronson fundou uma companhia para agendar os vôos e montar a estrutura viável para passear pela órbita terrestre, batizada de Virgin Galactic, definida como a primeira companhia especial. O bilionário britâncio também possui uma empresa áerea tradicional, a Virgin Airlines.

Conforme publicado no jornal inglês The Guardian, Bronson recusou uma proposta de uma produtora de cinema pornô de 500 mil libras esterlinas, equivalente a R$ 1.850.000, que queria rodar um filme do gênero durante o vôo inaugural da companhia do empresário.

Passagens para o vôo inagural, que será realizada na nave batizada de White Knight Two, que comporta seis passageiros, estão à venda desde 2005, e custam 110 mil libras esterlinas, o equivalente a R$ 407 mil, por pessoa. Stephen Hawking já comprou a sua passagem.


Foto: Divulgação

Bronson estreou no mundo empresarial na década de 70 quando fundou sua primeira loja em Londres, batizada de "Virgin" (virgem, em português) por conta dos vinis vendidos, que nunca haviam sido tocados.

O empresário focou na idéia e obteve sucesso já que na época era comum os vendedores abrirem os discos para tocá-los na loja e depois vendê-los aos clientes. Muitas vezes, era comum comprar um disco vendido como novo contendo arranhões em sua superfície.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais