Sharon Stone, persona non grata no Festival de Cinema de Xangai

Agência AFP

XANGAI - A atriz Sharon Stone não figura entre os convidados do próximo Festival Internacional de Cinema de Xangai (SIFF) depois de suas recentes declarações sobre o terremoto que devastou a cidade chinesa de Sichuan e que causaram indiganação na China.

- Nossa postura é firme, Sharon Stone participou no ano passado no festival por intermédio de uma sociedade que estava promovendo. Na ocasião, era amistosa, mas estamos indginados com o que disse em Cannes - declarou um porta-voz do Festival.

No recente Festival de Cannes, Sharon Stone sugeriu que o terremoto de 12 de maio na China, que causou a morte de mais de 69.000 pessoas, poderia ser conseqüência de um "karma ruim" ligado à política repressiva de Pequim no Tibete.

- Ela deveria respeitar os sentimentos do povo chinês e mostrar compaixão por quem sofre por causa do terremoto. Por isso este ano não a convidamos - afirmou a fonte.

As declarações da estrela causaram protestos na China e levaram a filial local da loja Christian Dior, marca da qual Sharon Stone é uma das embaixadoras publicitárias, a apresentar desculpas.

A décima primeira edição do Festival de Cinema de Xangai, um dos mais importantes da Ásia, será realizada de 14 a 22 de junho na metrópole do leste da China.