Novo filme de Woody Allen apenas diverte em Cannes

Portal Terra

CANNES - Tradicional "hors-concours" dos festivais, o novo filme de Woody Allen foi exibido agora a pouco para uma platéia lotada na sala Debussy, uma das maiores da Croisette, o endereço oficial da festa do cinema em Cannes.

Os mais de três mil jornalistas não foram além das palmas protocolares ao final de Vicky Cristina Barcelona. E não é para mais do que isso essa trama romântica, divertida e ensolarada, como no cenário em que se passa na Espanha.

Ali, durante o verão, duas amigas americanas (Rebecca Hall e Scarlet Johansson) se envolvem com um pintor conquistador que quer atrair as duas para a cama, de preferência ao mesmo tempo.

O Don Juan é vivido por Javiel Bardem, numa ótima performance de cafajeste sedutor.

Não bastasse, ele ainda tem ligações conturbadas com a antiga namorada Penélope Cruz), que reaparece a horas tantas para incrementar o triângulo amoroso.

A cena de efeito do filme todo mundo já sabe: o beijo protagonizado entre Scarlet e Penélope. No mais, resta ao espectador se divertir tanto quanto o cineasta, que o faz sem muita inspiração nos últimos tempos.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais