Amy Winehouse consegue visto americano, mas não irá ao Grammy Awards

Agência AFP

LONDRES -

A polêmica cantora britânica Amy Winehouse conseguiu obter o tão desejado visto de entrada para os Estados Unidos, mas não viajará para Los Angeles para se apresentar na entrega do Grammy Awards, informou sua assessoria de imprensa nesta sexta-feira.

Amy, que recebeu seis indicações ao Grammy (Melhor Gravação, Álbum, Canção, Vocalista pop e Vocalista feminina de pop do ano) se apresetará através de um sistema de vídeoconferência via satélite.

A cantora de 24 anos havia tido o visto negado antes por razões não reveladas, mas suspeita-se que a causa tenha sido seu pesado histórico de consumo de drogas.

- Infelizmente, devido à intrincada logística e a complicações de tempo, Amy não irá aos Estados Unidos neste fim de semana para atuar no Grammy Awards em Los Ángeles - disse sua assessora Tracey Miller em uma declaração.

- Entretanto, se apresentará via satélite em Londres como havia sido anunciado antes - afirmou.