Pais de Britney Spears procuram novamente a Justiça

Agência EFE

WASHINGTON - Os pais da popstar Britney Spears procuraram nesta sexta-feira os tribunais para reforçar o controle sobre sua filha, depois de ela deixar o hospital da Universidade da Califórnia, em Los Angeles, informaram fontes judiciais.

Na sexta-feira passada, um tribunal da cidade declarou Jamie Spears, pai de Britney, e um advogado seus tutores, medida inclui os bens da estrela multimilionária.

A audiência desta sexta-feira acontece no Tribunal Superior de Los Angeles, a portas fechadas e com os representantes legais dos pais de Britney, disseram as fontes.

Esta audiência acontece um dia depois de Jamie e Lynne Spears divulgarem um comunicado no qual se declararam 'profundamente preocupados' com a 'segurança e a vulnerabilidade' de sua filha.

- Acreditamos que sua vida está em risco - assinalou o casal em comunicado divulgado na noite da quarta-feira, o mesmo dia em que ela recebeu alta.

A popstar foi internada pela segunda vez em um mês, por ordem de sua psiquiatra pessoal, que considerou que ela representa um risco para si mesma e as pessoas ao seu redor.

- Como pais de um adulto que está passando por uma crise de saúde mental, ficamos extremamente consternados ao saber que nossa filha Britney foi liberada do hospital que poderia mantê-la sob seus cuidados e em segurança - acrescentou o casal.

A vida de Britney foi marcada por escândalos nos últimos meses, e atualmente ela está no meio de uma batalha judicial com seu ex-marido Kevin Federline pela custódia de seus filhos, Sean Preston e Jayden James.