Cerimônia homenageia guru indiano Maharishi Mahesh Yogi

Catherine Hornby, REUTERS

VLODROP - Adeptos da meditação transcendental reuniram-se na quinta-feira dentro da casa de Maharishi Mahesh Yogi, na Holanda, para render-lhe homenagens e lembrar as conquistar do guru dos Beatles, o homem responsável por levar a meditação transcendental ao Ocidente.

Em uma barraca decorada com vasos de rosas, narcisos e orquídeas, os principais líderes do movimento de Maharishi discursaram diante de centenas de pessoas, elogiando a vida e o trabalho do místico indiano, que morreu na noite de quarta-feira, aos 91 anos de idade.

- A santidade dele levou a meditação para o mundo - afirmou Bevan Morris, primeiro-ministro do movimento País Global da Paz Mundial, de Maharishi.

O funeral dele será realizado na cidade indiana de Allahabad, na segunda-feira, disse um porta-voz do grupo.

- Ele revelou a verdade de que a meditação, quando praticada corretamente, é uma técnica do campo unificado, e que toda a sociedade pode elevar-se, transformar-se, tornar-se pacífica e coerente.

Vestidos com robes brancos e exibindo coroas douradas e colares, os principais líderes do movimento, chamados de rajas, sentaram-se em cadeiras de veludo vermelho colocadas sobre um palco, por vezes deixando-se mergulhar em um estado de profunda contemplação.

Depois de uma sessão de meditação grupal de cinco minutos, os membros mais destacados do movimento lembraram as contribuições que as práticas de Maharishi legaram à sociedade, à educação, às ciências, à saúde, à agricultura e ao setor de defesa.

- A educação baseada na consciência pode prover invencibilidade para qualquer estudante - afirmou Ashley Deans, diretor da Escola Maharishi da Era da Iluminação, em Fairfield (EUA).

O movimento inaugurou universidades e escolas em todo o mundo e criou o Partido da Lei Natural, que tem feito campanha em dezenas de países.

A meditação transcendental envolve a recitação de um mantra que, segundo seus praticantes, ajuda a mente a ficar calma mesmo em situações de tensão. A técnica ganhou respeito da medicina tradicional.

O místico indiano mudou a sede de seu movimento para o vilarejo holandês de Vlodrop em 1990, ocupando a área existente ao redor de um antigo monastério franciscano.

Muitos praticantes da meditação transcendental compareceram ao local para colocar flores nos portões da residência, na quinta-feira.

Os líderes do movimento afirmaram que, apesar do grande sentimento de perda provocado pela morte de Maharishi, o guru havia conseguido atingir seus objetivos.

- Hoje em dia, 5 milhões de pessoas meditam colaborando com a paz no mundo - disse John Hagelin, chefe do braço norte-americano do movimento.