Encontro discute produção artesanal de cachaça no Rio de Janeiro

Agência JB

RIO - A produção de cachaça artesanal no Rio de Janeiro é o tema do encontro "Alambique Cultural", que acontece na Cachaçaria Mangue Seco, na Lapa, nesta terça-feira, dia 11.

O debate terá a participação dos produtores João Luiz Coutinho de Faria (Magnífica) e Eduardo Mello (Coqueiro), além de Alexandre Renteria, idealizador do site www.cachacaonline.com, que oferece cerca de 50 rótulos artesanais das principais regiões do Brasil.

A proposta é discutir o mercado atual do destilado nacional produzido em alambique, as dificuldades, conquistas e desafios para comercializar a bebida dentro e fora do país. Apreciada cada vez mais por um público que busca o sabor através de produtos artesanais e identificados com o Brasil, a cachaça ganha novos apreciadores e a mesa de restaurantes sofisticados.

De acordo com o Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC), o país produz por ano cerca de 1,2 bilhões de litros e há, em média, 40 mil produtores

sendo exportada para mais 55 países.

Os apreciadores de cachaça também poderão conhecer mais sobre a história, procedimentos de fabricação, certificação, princípios básicos sobre o processo de fermentação, aroma, gostos e suas variações.

O encontro começa às 19 horas e será seguido de degustação. A entrada é gratuita.

A Cachaçaria Mangue Seco fica na Rua do Lavradio, 23, na Lapa. Informações: (21) 2429-6329 ou no site www.manguesecocachacaria.com.br.