Brad Pitt quer manter foco na reconstrução pós-Katrina

REUTERS

NOVA ORLEANS - O ator Brad Pitt disse na terça-feira que permanece comprometido em ajudar a recuperação de Nova Orleans depois do furacão Katrina, 'um desastre produzido pelo homem', segundo ele.

Quase dois anos depois da tempestade, em 29 de agosto de 2005, o galã disse que às vezes fica chocado com o ritmo da recuperação de Nova Orleans, onde ele e a mulher, Angelina Jolie, têm uma elegante casa colonial no Bairro Francês.

Pitt visitou o bairro Lower Ninth Ward para conhecer uma casa ambientalmente sustentável que está sendo construída pela ONG Global Green USA, que ele apóia.

O ator elogiou a residência unifamiliar, na região de Holy Cross, chamando-a de 'uma pequena vitória' nos esforços de reconstrução. 'ñMasí é difícil encontrar uma vitória geral quando se vê o quão lentamente tudo ainda avança. E o Katrina foi um desastre produzido pelo homem. Esta casa é uma solução produzida pelo homem'.

Pitt disse que as defesas da cidade contra inundações devem ser restauradas para que os moradores desabrigados se sintam confiantes em construir outra vez.

- Temos de pressionar para que cuidem daqueles diques de forma correta - disse ele a jornalistas numa entrevista coletiva no bairro operário, devastado pelo furacão.

A casa visitada por Pitt, inspirada no modelo arquitetônico tradicional de Nova Orleans, com moradias longas e estreitas, vai gerar quase toda a eletricidade consumida por seus moradores em 28 painéis solares instalados no teto, segundo Matt Petersen, presidente da Global Green USA.