Piano de John Lennon 'passeia' em nome da paz

Agência JB

RIO - O piano usado por John Lennon para compor "Imagine" viajará por lugares onde aconteceram atos de violência nos Estados Unidos, segundo informou esta semana o jornal britânico "The Guardian". A idéia foi do cantor George Michael e de seu parceiro Kenny Goss, dono de uma galeria de arte em Dallas.

O instrumento foi parar nas mãos de George Michael seis anos atrás, quando o cantor arrematou-o por US$ 1,5 milhão em um leilão.

No sábado, o instrumento foi colocado na entrada do Ford's Theatre em Washington onde, há 142 anos, o ex-presidente americano Abraham Lincoln foi assassinado. Na semana passada, o piano passou pela entrada de uma penitenciária em Huntsville, no Texas, no momento em que um prisioneiro condenado à morte era executado. Outros lugares visitados foram: o Dealey Plaza, em Dallas, e o motel Lorraine, em Memphis.